6

Regulação do Mercado

As Opções Binárias, como as conhecemos hoje, são um instrumento financeiro recente, pois datam de 2008. No entanto a Regulação do Mercado das Opções Binárias apareceu apenas em 2012 pela mão do Regulador Cipriota CySEC. Hoje, este organismo é provavelmente o mais conceituado regulador de Brokers de Opções Binárias.

No entanto as Opções já são muito antigas. O primeiro especulador com opções que se tem registro foi Thales, um astrônomo e filósofo grego. Segundo Aristóteles, Thales “sabia pelos seus conhecimentos das estrelas, ainda no inverno, que ocorreria uma grande colheita de azeitonas no ano seguinte.

Tendo pouco dinheiro, ele reservou todos os depósitos de olivas em Chios e Miletus, pagando taxas bem baratas porque não haviam mais interessados.”

Uma colheita abundante e uma grande demanda por depósitos de olivas provou que as previsões de Thales estavam corretas, e com seus contratos de locação já pagos, ele utilizou os depósitos com grande lucros.

A crise financeira de 2008 coincidiu com a decisão do SEC (Securities and Exchange Commission). Na sequência desta decisão, as opções binárias deixaram de estar limitadas a ser negociadas apenas na bolsa. Entre 2008 e 2009 começaram a aparecer os primeiros Brokers de Opções Binárias, a operar no modelo que hoje conhecemos.

Inicialmente as Opções Binárias não foram vistas como um instrumento financeiro, de tal forma que em Malta eram reguladas até 2013 pela Autoridade que Regula os Jogos e os Casino e não pelo organismo que regula os instrumentos financeiros.

Em Maio de 2012 a CySEC (Cyprus Securities and Exchange Commission) anunciou uma mudança de política em relação á classificação das opções binárias como instrumentos financeiros. As plataformas de opções binárias que operam no Chipre (onde estão estabelecidas uma grande parte das que operam na Europa) tiveram seis meses a contar da data do anúncio para tratar da regulamentação. Foi assim o primeiro regulador europeu a efetuar a regulação do mercado das opções binárias.

A primeira regulação da CySEC foi emitida em Janeiro de 2013.

Um Broker ao ser regulado por um organismo como a CySEC assegura que:

  • A Plataforma do Broker é segura, fiável e funciona com dados financeiros oficiais
  • Que o dinheiro de seus clientes está protegido por um seguro
  • Que as transações são monitorizadas por um terceiro organismo para garantir isenção
  • Que o Broker possui backgroud (experiência anterior) financeiro
  • Que o Broker trabalha segundo os procedimentos que envolvem a regulação do mercado financeiro onde atua

A CySEC utiliza o mecanismo de punição através de multas para dissuadir os Brokers a atuarem de forma menos própria, podendo multar um Broker em valores a rondar 1 milhão de USD.

Desta forma o negociador tem a proteção de um organismo que existe para fazer com que as regras sejam cumpridas e que haja honestidade e transparência.

No entanto, caso estejamos a negociar num Broker que não esteja regulado pela CySEC ou outro Organismo Oficial, não temos nenhuma proteção pois ninguém tem a capacidade de intervir contra os Brokers não regulados.

Fica a explicação do porquê ser tão importante abrirmos conta em Brokers que sejam regulados, como os que estão nesta tabela, e não corrermos atrás de Bónus ou Ofertas de outros Brokers que mais tarde apenas trazem problemas.

Desde 2015 a CySEC tem vindo a melhorar as regras de forma a que cada vez mais as corretoras usem de práticas não abusivas e que esclareçam os seus clientes sobre os riscos. Hoje em dia, todo o material publicitário de uma corretora regulada tem de alertar para a existência de riscos.

No fim de 2016 a CySEC emitiu uma nova directiva que proíbia o uso de Bónus, porque entendia que era uma forma de aliciar as pessoas a depositarem quantias acima do que estavam incialmente dispostas e que as regras de atribuíção dos bónus bem como as regras a que o cliente ficava sujeito por causa destes mesmos bónus que eram abusivas. Pode ler a informação da CySEC >AQUI<

As regras que o regulador tem vindo a colocar ás corretoras vão no sentido de clarificar o mercado e tornar mais simples e justo para o cliente.

Por outro lado, o cliente deve procurar as corretoras que são reguladas, pois de outro modo, acaba por ir atrás de ofertas que outros conseguem dar, mas no fim, acabam sendo enganados por corretoras que não estando reguladas, fazem o que querem com o dinheiro do cliente, usando todos estes métodos abusivos que a CySEC e outros reguladores europeus têm vindo a proíbir.

Rui Oliveira

Bloguista e Trader em Forex e Opções Binárias. Autor de: opcoesbinarias.biz e conselhosfinanceiros.com

  • Rufer

    Eu vi sobre esse assunto agora na internet! Há 3 anos muitas pessoas na minha cidade perderam até bens com um tal ‘ TELEX FREE’! VOCÊ CONHECE?? É um tipo de opções binárias??

    • Amigo, isso era uma pirâmide financeira, uma fraude, nada tem a ver com Opções Binárias. É o mesmo que comparar futebol com ténis kkkk

  • Brunoxpd

    Sabe me dizer se a binary.com é uma boa corretora é regulada ? e saberia me dizer o payout dela ?

    • Atualmente as corretoras de Opções Binárias devem ser reguladas, como instrumento financeiros e serem reguladas pela CySEC ou FCA. A regulação desta corretora é de uma reguladora de jogo, que não o que as Opções Binárias são.
      Esta regulação não tem sentido atualmente. Se ela não considerou ser regulada como instrumento financeiro, é por alguma razão.
      Eu não escolheria esta corretora para colocar o meu dinheiro.

      • Brunoxpd

        Muito obrigado, andei fazendo leitura de vários artigos na internet sobre opções binarias, e em alguns andei vendo que falam das opções como apostas, não acho que isso seria certo mais creio que falam isso pelo fato do risco de perda total do investimento, mais como já sabemos no mercado financeiro quanto maior o risco maior sera o lucro.

      • Andrey garcia (brad jr)

        me indique algo..92994410463